mouseO mouse é um acessório formidável quando o assunto é produtividade no trabalho; editores de vídeo, áudio, imagem e texto vão concordar. Para isso que ele foi criado, lá em 1963, para facilitar a vida de quem usa um computador. Mas, para que ele tenha um melhor desempenho e maior durabilidade são necessários alguns cuidados com esse equipamento. Depois de escolher seu mouse, baseando-se em seu tamanho e em sua ergonomia, lembre-se de:

Manter o mouse limpo. Nunca use produtos de limpeza que não sejam destinadas a esse propósito. Evite, principalmente, produtos abrasivos, como alvejantes e desinfetantes. Já o álcool isopropílico é recomendável, mas aos mouses com esferas (recomenda-se o uso de luvas ao manipular este tipo de álcool). Cuide também para que o rolete mantenha-se limpo. O acúmulo de sujeira danifica o periférico, além de diminuir sua capacidade. Procure sempre manusear o mouse com cuidado durante a limpeza.

Cuide para que o fio do mouse não fique repuxado ou pressionado, evitando, assim, que o cabo interno se rompa e acabe por inutilizar seu periférico. Os mouses usados em notebooks tem maior propensão a defeitos, já que o descanso do mouse muda constantemente e, por vezes, é colocado para uso em lugares inadequados.
Procure cuidar de seu mouse com frequência, principalmente se ele é uma ferramenta de seu trabalho.